Mulher e suas energias

Esta pagina será dedicada a textos relacionados a saúde da mulher.

O objetivo deste texto é compreender como nosso estilo de vida afeta nossa energia e consequentemente causa desequilíbrios no nosso corpo. Por atender apenas mulheres, tenho me especializado mais nas desordens comuns a elas e este post é uma introdução dos assuntos que estão por vir.

Para compreender como somos afetadas, devemos ter, primeiro, uma noção da energia que nos compõe. Como já expliquei em outros posts, existem duas energias, Yin e Yang. A energia Yin é caracterizada pela noite, frio, terra, calma e pela lua; já a energia Yang é caracterizada pelo dia, calor, céu, atividade e pelo sol.

 964a99307e2202a6a80e2575a6c603e2

Nas mulheres prevalece a energia Yin, caracterizada pelo repouso, acolhimento e passividade; é importante dizer que, na cultura chinesa antiga, passividade era um atributo que indicava maleabilidade e sabedoria, porém, este termo, hoje, adquiriu um status pejorativo, como algo próprio de alguém que não tem iniciativa, o que não podemos confundir. O yin é receptivo, que espera para ser fecundado, que segue um movimento de introspecção e recolhimento, por isso, ao contrario dos homens em que prevalece a energia Yang, somos menos agressivas e ativas e temos diferenças físicas, emocionais e psíquicas. Entre as diferenças físicas, devemos citar os órgãos reprodutivos, em que os ovários, útero e óvulos são representações da energia Yin.

O nosso corpo segue um ciclo revelado pelo ciclo menstrual e é influenciado por mudanças hormonais, gestação e amamentação. Devido a estes acontecimentos, temos sempre que nos adaptar ao nosso corpo independente de nossa agenda de compromissos, o que nos exige parecer bem em dias em que nosso corpo pede recolhimento, e para isso, mudamos nosso comportamento, forma e fisiologia.

Após a revolução sexual de 1970, a mulher passou a ocupar um espaço maior num lugar antes considerado masculino e competitivo e começar a ter uma vida mais atribulada e ativa, com características Yang.

Na Medicina Chinesa, o excesso de energia Yang consome a energia Yin, que faz parte de nossa constituição, isso significa que todo esse excesso de atividade física e mental desgastam nossa energia, causando desequilíbrios e doenças, principalmente relacionadas ao aparelho reprodutivo, como os problemas de infertilidade, endometriose, etc.

Gostaria de deixar claro que, nossa energia pede repouso, e devemos respeitar o nosso organismo sempre que possível. A compreensão de nossa energia é fundamental para todos aqueles que buscam uma vida mais balanceada e harmônica, respeitando nossa natureza interior.

f79d6c920e2824104ba9699abcf14f7b

Por Rafaela Moura Santos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s