Moxaterapia

moxaterapia

Esta semana entramos no outono e o inverno estará logo ai, e, com a mudança do tempo vem as doenças típicas da estação, como as gripes, resfriados e pneumonia, que, de acordo com a medicina Tradicional Chinesa, são causadas pelo frio que penetra em nosso corpo quando nossa energia de defesa (imunidade) esta deficiente. Nestes casos a moxaterapia pode ajudar tanto no tratamento como na prevenção, desde que seja feita uma avaliação constatando a necessidade da mesma.

A moxaterapia é uma técnica que consiste no aquecimento dos pontos de acupuntura pela queima de ervas medicinais, sendo que a mais utilizada é a artemísia seca (Artemísia vulgaris), mas outras também podem ser utilizadas de acordo com as indicações terapêuticas indicadas.

A aplicação da moxabustão tem a finalidade de aquecer a energia e o sangue dos canais de energia promovendo o aumento da velocidade na circulação energética potencializando a nutrição e a atividade dos órgãos e vísceras.

moxa5

A moxabustão é muito utilizada para restabelecer o equilíbrio energético nos quadros de deficiência, que facilitam a penetração do frio e da umidade, que causam doenças. O calor desprendido pela queima da Artemísia vulgaris tem a característica de alcançar a temperatura ideal para se promover as funções energéticas tonificando o organismo como um todo.

As formas de aplicação da moxabustão são através de bastões, que são aproximados da pele nos locais dos pontos ou de forma direta, sobre rodelas de gengibre.

O alcance maior da terapia é prevenir o organismo da penetração de energias do frio e umidade, e, para potencializar o efeito final, pode-se associar uma alimentação energética tonificadora e acupuntura tradicional.

moxa10

Por Rafaela Moura Santos

 

Anúncios

Como adoecemos?

199e6ffd38358452cbf9b05130ad105f

O processo de adoecimento de acordo com a Medicina Tradicional Chinesa tem três fases: energética, funcional e orgânica. Por exemplo, se você ficar nervoso e preocupado, isto é energético. Porém se você ficar nervoso e preocupado diariamente durante anos, você atinge a fase funcional, passando a ter uma gastrite, significando que você alterou a função do estômago. Se você continuar nervoso e preocupado por mais anos, diariamente, atingirá a fase orgânica, passando a ter uma úlcera, significando que você lesou o órgão.

Como já disse em outros posts, devemos ter todos os sentimentos, temos momentos felizes, tristes, de medo, preocupação, e raiva, porém, deve haver equilíbrio, quando um deles prevalece é porque ha um desequilíbrio.

Esta explicação nos mostra que a maior parte das doenças vem de nossas emoções, que são sintetizadas pelo organismo; e a partir dai, podemos nos conscientizar que ficar preso em emoções do passado, com remorsos e sentimentos ruins fazem mal apenas para nos mesmos, causando doenças.

Mantenha sua mente saudável e seu corpo também estará!!!

Para relaxar e acalmar a mente, faca acupuntura!!! Corpo e mente equilibrados!!!

Por Rafaela Moura Santos

Como a acupuntura funciona

Acupuncture-sm

Na pratica, a acupuntura consiste no agulhamento de pontos específicos do corpo, chamados de acupontos, usados para prevenir e tratar doenças. Mas, por ser uma técnica chinesa, podemos entender seu funcionamento de duas formas distintas, sob o ponto de vista oriental e ocidental.

Acupuntura – ponto de vista oriental

Na visão chinesa, todos os fenômenos da natureza e do nosso organismo são explicados de acordo com as teorias energéticas. De maneira simplificada, existem energias, que podem ser classificadas em Yin ou Yang que movem todos os acontecimentos do universo, refletindo assim na natureza, inclusive em nós. O equilíbrio destas energias é o que conhecemos por saúde, quando ha o desequilíbrio, apresentamos sintomas que, a longo prazo podem se tornar doenças. Em uma árvore é mais fácil perceber a influência da natureza, que muda de acordo com as estações; por exemplo, na primavera ela se encontra cheia de flores, ao contrário do outono, quando elas caem. No nosso organismo o clima também tem interferências, mas às vezes elas passam despercebidas. Já viram que em algumas épocas o cabelo cai mais e em outras ele cresce mais? Às vezes nossa pele fica mais ressecada, enquanto que em outras ela fica super iluminada? Enfim, o clima é um fator importante para o funcionamento do nosso organismo e pode ser também um fator causador de desequilíbrios. Outra causa de desequilíbrios são as emoções, entre elas a alegria, a tristeza, a preocupação, o medo, a raiva, enfim, todas elas fazem parte do nosso dia-a-dia, porém, não devem estar em excesso ou reprimidas, por exemplo, a tristeza em excesso pode levar à depressão, já a preocupação em excesso pode causar problemas como ansiedade, estresse, etc. De acordo com estes conceitos, a acupuntura é capaz de diagnosticar, tratar e até mesmo prevenir doenças. Cada uma dessas energias pode ser relacionada a determinada parte do corpo, seja um órgão ou uma víscera, assim, de acordo com a avaliação da aparência, sintomas, pulso e língua da pessoa podemos diagnosticar quais são as energias em excesso e quais estão em quantidade deficiente, e, para alcançar o equilíbrio, são escolhidos os melhores pontos para cada caso.

Acupuntura – ponto de vista ocidental

Devido a eficácia da acupuntura e sua ampla utilização como método terapêutico no ocidente, pesquisas científicas foram realizadas para compreender melhor seu mecanismo de ação e suas aplicações. Do ponto de vista científico , a inserção da agulha estimula as terminações nervosas existentes na pele e nos tecidos subjacentes. A mensagem gerada por esses estímulos segue pelos nervos periféricos até o sistema nervoso central, liberando várias substâncias químicas chamadas neurotransmissores, os quais desencadeiam múltiplos efeitos sistêmicos, tais como analgésico, relaxante muscular, antiinflamatório e estimulante da função imunológica e endócrina. Assim sendo, é capaz de tratar diversas patologias. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a acupuntura pode tratar mais de 41 doenças, sejam elas físicas ou emocionais, como enxaqueca, depressão, fibromialgia, ansiedade, obesidade, estresse, insônia, hipertensão, doenças respiratórias, distúrbios gastrointestinais, neurológicos e psiquiátricos, auxilia no abandono de vícios entre outros.

Além das agulhas, existem outras formas de tratamento, como o uso de moxas, ventosas, laser, sementes, esferas, magnetos e até mesmo com o auxílio de estimuladores elétricos. Sua eficácia é comprovada cientificamente, é livre de efeitos colaterais e sua utilização estende-se hoje em tratamentos estéticos, na redução de gordura localizada, celulite, estrias e marcas de expressão.

Por Rafaela Moura Santos

Moxaterapia

A moxaterapia é uma técnica que consiste em aquecer os pontos de acupuntura pela queima de ervas medicinais (geralmente a artemísia seca) e tem a finalidade de tonificar a energia e o sangue, aumentando a velocidade da circulação energética, melhorando a nutrição e a atividade dos órgãos e das vísceras, por isso é usada nos casos em que a pessoa se encontra com pouca energia.

As principais formas de aplicação da moxa são:

Através do bastão de moxa

Moxaterapia

Moxabustão

Através do “berço de moxa”

Berço de Moxa Lã

Berço de Moxa Lã

Aplicada diretamente sobre a pele

Moxaterapia

Moxaterapia

A moxaterapia exige uma avaliação previa, já que não é indicada para todas as pessoas.

Por Rafaela Moura Santos

Tao ou Dao

Tao1

Para os chineses, o Tao representa as energias Yin e Yang e sua relação. Unifica todas as coisas e fatos que observamos. O significado de sua palavra e caminho e sua característica principal e a natureza cíclica de seu movimento e mudança. Essa ideia e de que todos os acontecimentos na natureza  apresentam padrões de ida e vinda, de expansão e contração. Todas as manifestações do Tao são geradas pela interrelação dinâmica das duas forcas polares Yin e Yang.

Por Rafaela Moura Santos

Teoria Yin e Yang

yin e yang

A Acupuntura e uma das técnicas da Medicina Tradicional Chinesa, criada ha mais de 4000 anos. A cultura oriental e muito diferente da nossa, por isso as praticas realizadas por eles também. Elas se baseiam em fatores energéticos presentes na natureza e em todos os seres que a habitam. Os estudiosos chineses acreditam também que estas energias devem estar em equilíbrio e que elas podem ser caracterizadas como energias Yin e energias Yang. Estes dois tipos de energia são opostos e complementares, para que um deles exista, o outro deve existir. Tudo o que existe pode ser caracterizado como Yin ou Yang, na natureza por exemplo, a terra e Yin e o céu e Yang, a água Yin, o fogo Yang, o frio Yin, o calor Yang, o escuro Yin e o claro Yang, a noite Yin e o dia Yang, enfim, tudo pode ser caracterizado como Yin ou Yang.

Por nos relacionarmos com o ambiente, estas energias também estão presentes no nosso organismo, e ate mesmo as pessoas podem consideradas Yin ou Yang. As pessoas que tem mais características Yin, são aquelas mais  quietas, falam baixo; já as pessoas mais Yang são aquelas mais agitadas, falam mais alto, podem apresentar a face mais avermelhada, enfim, todos temos características Yin e Yang, mas as vezes ou em determinadas ocasiões, uma delas pode se sobressair.

Para sermos considerados saudáveis nos conceitos chineses, estas energias devem estar em equilíbrio, quando isso não acontece, aparecem as doenças.

As doenças também podem ser consideradas Yin ou Yang, por exemplo, as doenças Yang são agitadas, fortes, quentes, secas, hiperfuncionais e agudas; já as doenças Yin são calmas, fracas, frias, úmidas, hipofuncionais e cronicas.

Através dessa teoria, a Acupuntura pode tratar vários tipos de doenças,pois o objetivo da acupuntura e equilibrar as energias. E como já foi dito, um organismo equilibrado e um organismo saudável.

Por Rafaela Moura Santos