TPM

A famosa e temida Tensão Pré-menstrual esta presente na vida de milhares de mulheres, e, frequentemente tem inicio após a ovulação. Como eu já disse no post sobre o ciclo menstrual, após a ovulação, entramos num período de introspecção, e começa então o descompasso. Nosso corpo pede um momento de calma e recolhimento e o que temos é uma superestimulação do córtex visual com imagens de televisão, computador, outdoors, recebendo de todos os lados informações que devem ser processadas. Alem disso, nosso organismo vem sendo carregado de agrotóxicos, hormônios, medicações e pílulas anticoncepcionais que devem ser metabolizados pelo fígado, que é o principal órgão que sofre com essa desarmonia. Todos esses excessos solicitam energia Yang do fígado, que o leva ao desequilíbrio e nos traz os sintomas da TPM, que incluem a depressão, irritabilidade, edema (inchaço), obstrução do peito, dores de cabeça, sensação de bola na garganta, angustia, aumento de peso e cansaço.

104803531253617203967

Nestes dias em que nosso corpo não se mostra adequado as atividades e necessidades da vida externa, a energia é retida, e fica estagnada (parada), por isso nos sentimos mal.

Quando uma mulher permite que o recolhimento e a pausa ocorram, a TPM é sensivelmente menor, o que pode ser visto em períodos de ferias.

TPM

Na Medicina Tradicional Chinesa, o tratamento da TPM tem como objetivo fazer com que a energia volte a circular, eliminando a estagnação, e drenar o excesso de líquidos, reduzindo edemas, dores e o mal estar. Alem da acupuntura, podem usadas as ervas chinesas e algumas recomendações, que são:

  • Repousar, escutar musica e meditar
  • Praticar atividades físicas suaves como caminhadas e ioga
  • Evitar relações sexuais neste periodo.

doctor-berger-infografico-tpm-705x1024

Por Rafaela Moura Santos