A primeira consulta a um acupunturista

Ao entrar pela primeira vez em um consultório de acupuntura, você vai encontrar um ambiente diferente dos consultórios médicos. O ambiente mais aconchegante não possui caixas de remédios nem mapas de anatomia, mas sim objetos que te lembrarão a cultura chinesa, mapas de pontos de acupuntura, plantas, aquários e pedras.

A entrevista também se diferencia nas perguntas, pois, por trabalhar o equilíbrio energético, as perguntas irão incluir suas preferencias alimentares, climáticas e como se encontram suas emoções. Apos as perguntas, o pulso, a língua e a orelha poderão ser avaliados para complementar e ajudar em um diagnostico mais preciso. Quanto a isso, não se preocupe, pois o diagnostico deve ser energético, então se o acupunturista disser que você possui “fogo no Figado”  não quer dizer que ha fogo em você, mas que existe um desequilíbrio energético que sera corrigido com a acupuntura.

Depois da avaliação, você deitara em uma maca em posição confortável para receber as agulhas.  O Acupunturista poderá consultar um mapa ou livro para eleger os melhores pontos para o seu caso. As agulhas são dez vezes mais finas que as injeções e os pontos são naturalmente menos propensos a dor, por isso não se preocupe, pois raramente sentira dor, as sensações mais comuns são de peso, formigamento ou latejamento. Em seguida você poderá relaxar, as agulhas poderão ficar em seu corpo por aproximadamente 40 minutos, e, se você dormir, não sera o único!

No fim, as agulhas serão retiradas e uma nova sessão sera marcada.

Experimente!!!

DSC07174

DSC07172

DSC07177

Por Rafaela Moura Santos

Anúncios